Rodrigo Macedo Silva

Rodrigo Macedo Silva, rapaz de 18 anos. Trabalhava numa pizzaria, fazendo entrega aos clientes de moto. Como a dificuldade de arrumar um melhor emprego era muito grande, não só para Rodrigo, mas atualmente, é para a maioria dos jovens, ele assumiu o 1º que apareceu, até que surgisse outro emprego melhor, pois era arriscado trabalhar à noite como moto boy, nessa metrópole violenta e sem segurança. Apesar de tudo, ele tinha um sonho. O sonho dele era voar, dizia sempre que gostava de voar. Adorava praia, tinha loucura pelo mar. Gostava de correr muito, tanto é que, qualquer problema com o pessoal da rua, eles procuravam o Rodrigo para pedir socorros e lá ia o Rodrigo na disparada. Quando ele completou 18 anos, ganhou uma moto e inclusive era o seu meio de trabalho. Dia 05/02/2002, foi encontrar com os amigos que não os via alguns meses, dizendo que, quando chegasse no local do encontro ligaria para mãe. Foi e nunca mais voltou. A mãe recebe ameaças até hoje, porque o filho disse os nomes dos amigos com quem ele encontraria. A denúncia foi feita, mas até hoje nada de concreto aconteceu, os delinqüentes estão no mesmo lugar, impunes, fazendo as suas farras, como nada tivesse acontecido, matam as pessoas como mata um verme, e a polícia não faz nada . Mais uma vez a impunidade vencendo e a criminalidade crescendo a todo vapor.Os envolvidos no assassinato do Rodrigo são 07, infelizmente, ninguém foi preso, apesar da mãe saber e ter todos os endereços, e a polícia também os tem.Indignada a mãe diz; “ .....mas como sempre,mais vale um bandido vivo do que um cidadão de bem morto. E os Direitos Humanos, nada. Até quando, eu e a minha família ficaremos sem a resposta e sem a justiça? Até quando? Gostaria muito de que alguém viesse e me dissesse que a justiça do homem será feita. Mas.....”

                                                                                                   Web Design: Elizabeth Metynoski *Todos os Direitos Reservados*